Um homem de 35 anos foi preso na tarde deste domingo (24/01), em Goiânia, acusado de fazer prova destinada a portadores de diploma para um outro candidato que está tentando entrar no curso de medicina da Universidade Federal de Goiás — UFG.

De acordo com as primeiras informações, os dois homens são amigos e cursam medicina no Paraguai, mas o mais novo estaria tentando uma vaga para o mesmo curso na UFG em Goiânia.

A falsificação dos documentos usados pelo mais velho para fazer a prova foi detectada pela equipe de papiloscopistas policiais do Instituto de Identificação, que então acionaram as Polícias Civil e Militar.

Os dois acusados foram encaminhados para a sede da PF em Goiânia para serem autuados.

Via Mais Goiás

Campartilhe.

Sobre o Autor

Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora e fazer um novo fim.

Deixe Um Comentário


Banner publicidade 728 x 90 RODAPE

AGORA É HORA DE SER VOCE?